Resumo Semanal – 27


📅

🔗 WWDC 2020

Na segunda-feira, tivemos um dos maiores eventos para desenvolvedores do mundo, a WWDC, World Wide Developer Conference. Neste evento, da Apple, foram apresentados as novas versões do iOS, iPadOS, tvOS, watchOS e macOS. Para maiores informações sobre as novidades, eu recomendo visitar sites como MacMagazine.com.br e Tecnoblog.net que fazem uma excelente cobertura.
Aqui você verá as novidades de privacidade que a Apple lançou nesse grande evento.

Em uma sessão só para privacidade, Craig diz que Privacidade agora é mais importante do que nunca.
Então iniciaram uma tecnologia inovadora de minimização de dados, minimizando o acesso aos seus dados pessoais (tanto deles quanto de quem quer que seja).

Outro ponto foi chamado de “On-Device Intelligence”, que significa que a Inteligência Artificial que encontramos em Google Assistente, Alexa e até mesmo (pasmem, rs!) na Siri, deixaria de usar internet e enviar e receber dados para rodar offline, dentro do seu dispositivo. Claro que isso não é completo, apenas algumas funções rodarão offline, muitas outras ainda precisarão do uso da internet.

Terceiro ponto é a segurança que eles colocam em tudo que fazem quando é privacidade

E pra fechar, transparência e controle que vai te ajudar a entender melhor os dados que estão sendo coletados pra que você faça as próprias escolhas do que e como seus dados serão usados.

Estes quatro princípios estão presentes nos hardwares, softwares e serviços.

Localização:

  • Mais controle ao compartilhar localização com apps, você poderá escolher entre localização precisa ou aproximada
  • Indicador de uso de camera na barra de status, uma bolinha laranja aparecerá caso algum app esteja usando sua camera.
  • Rastreamento: Novos popups de permissão irão aparecer na tela. Uma melhoria vinda do ITP do Safari (Intelligence Tracking Prevention). Apps que usam rastreamento terão, na App Store, que mostrar nas politicas que irão solicitar permissão para rastreamento antes mesmo de te rastrear.

Privacidade:

  • nos Apps:Hoje já é requerimento dos apps uma politica de privacidade para estar na App Store, mas nem sempre é visualizada facilmente. Assim como nos alimentos, que tem a tabela nutricional, os apps terão a tabela de coleta que os desenvolvedores fazer dos seus dados. Voce vai saber exatamente o que ele coleta e até mesmo se compartilha os dados com outras empresas. Também terá uma opção separada só pra saber quais dados são coletados que são usados para rastreamento.

Safari:

  • Extensões
    • o Safari perguntará em quais sites uma extensão do Safari pode funcionar — e você pode conceder acesso por um dia ou definitivamente.
    • desenvolvedores poderão levar extensões do Chrome para o Safari, permitindo-os personalizar a experiência de navegação com novos conteúdos. Quem sabe agora não veremos excelentes extensões, como uBlock Origin e EFF Privacy Badger.
    • No iOS e no iPadOS, haverá um botão de relatório de privacidade, mostrando ali tudo o que tem sido bloqueado, pelo ITP, de rastreamento nos sites que visita.

🔗 WhatsApp:

O Facebook “inovou” lançando, na semana passada, o WhatsApp Pay, mas a alegria durou pouco, na terça-feira o serviço foi suspenso pelo Banco Central. Em um súbito choque de realidade, antes de sair aprovando e permitindo qualquer coisa, o Banco Central pretende avaliar os riscos e teme que a novidade, sem uma avaliação mais detalhada, poderia causar danos irreparáveis à concorrência e à privacidade. Lembrando que Itaú, Bradesco e Santander testaram e desistiram de embarcar nessa furada. Essa suspensão é provisória, logo, após as análises detalhadas, poderão sim (ou não) voltar a atuar, mas na minha opinião, não há estrutura educacional tecnológica para brasileiros, isso quer dizer que muitos ainda são analfabetos digitais e poderão sofrer grandes perdas financeiras com a novidade, por usar sem saber ou por cair em golpes que ocorrerão.

Veja mais

Na quarta-feira, mais um revés. O CADE (Conselho Administrativo de Defesa Econômica) também suspendeu o WhatsApp Pagamentos.
Veja.

Na quinta e na sexta não tivemos (graças à Deus) nenhum vazamento ou escândalo.

🏷