Appteca

Telegram
Appteca | Episódios

Configurações mandatórias pra ter um Telegram Seguro

29/01/2022Publicação original: 12/02/2021
Atualização mais recente: 29/01/2022
Tempo de leitura estimado:3 min
Gustavo Saez

Já falei muito no canal do PodApps no Telegram sobre o Telegram e seus benefícios, mas pensei, como atingir o público que está fora dele? Como convencer você de que o Telegram oferece mais segurança que o WhatsApp e outros apps de mensagem?
Como não ter mensagens vazadas como os procuradores da Lava Jato?
– Foi pensando nisso que esse tutorial foi pensado. Não deixe de compartilhar com quem ainda acha que o Telegram não é seguro porque as mídias mainstream passaram essa imagem.

É importante ressaltar que este tutorial está sendo feito em 11 de Fevereiro de 2021, configurações diferentes desta podem ocorrer a medida que o Telegram é atualizado, tentarei manter este post atualizado.

Embora os prints sejam do aplicativo para macOS, o caminho é o mesmo em todas as plataformas.

Configurações > Privacidade e Segurança (Settings > Privacy and Security)

Primeiro passo de tudo é configurar seu nome de usuário, assim as configurações abaixo farão mais sentido. Na página inicial de configurações no app toque em “Editar”

Na sequência, toque em “Nome de usuário”

Defina seu “arroba” e pronto.

Abaixo vamos nos familiarizar com todos os itens que estão dentro dessa seção de Privacidade e Segurança.

Aqui vamos configurar uma senha para bloquear a abertura do Telegram. Em dispositivos com biometria (digital/facial) é possível desbloquear por estes meios.
Defina uma senha complexa, afinal, senha definida como 123 não é segura
Após definida, escolha de quanto em quanto tempo o Telegram irá exigir a senha para liberação do app.
Senha definida, esta será a tela que você irá visualizar sempre que o tempo definido for atingido
Próxima etapa: Verificação em duas etapas (2SA). Nesta etapa voce deverá definir uma senha que o Telegram irá pedir sempre que você fizer login em um novo dispositivo. Recomendo que esta senha seja criada por um gerador de senhas e que tenha no mínimo 30 caracteres, mas é claro, é uma recomendação, senha “123” também serão aceitas.
IMPORTANTE: Se você esquecer essa senha, sua conta será perdida, não será possível logar-se sem ela. Isso demonstra a importância dessa senha e a segurança que o Telegram oferece à você. Defina-a bem!
Vamos prosseguir para a parte que trará mais privacidade à suas informações dentro do app.
Eu deixo minhas configurações dessa maneira, aonde ninguém poderá ver meu número e somente meus contatos poderão encontrar meu perfil no Telegram via meu número. Claro que tudo é personalizável como você desejar.

Até aqui as imagens falaram por si, mas veremos, talvez, uma seção muito interessante.

Aqui o negócio fica interessante.

Quando falamos de mensagens encaminhadas, nos referimos ao contato que publicou a mensagem, como pode ver abaixo
Se notar a mensagem anterior está em negrito e a mensagem atual não está. Qual a diferença? Quando está em negrito, ao tocar no nome do dono da mensagem original (não de quem compartilhou), no caso o Meio Bit, você é direcionado ao perfil da pessoa/canal.
Quando não está em negrito, significa que sua conta está privada/oculta, logo, não levará ao dono da mensagem. Recomendadíssimo que deixe configurado para NINGUÉM, assim, ninguém chegará à você através de uma mensagem sua que foi encaminhada.
Pra encerrar, depois de tudo acima configurado, defina para que o Telegram apague sua conta somente após 1 ano de inatividade (espero que não fique tudo isso sem usá-lo).
Pronto, agora seu Telegram está mais seguro do que antes. Faça bom uso e não deixe de compartilhar este conteúdo pra evitar que pessoas caiam em golpes como “Telegram ‘Clonado'”, assim como no WhatsApp. Afinal, o Telegram não pode impor a segurança para os usuários, mas ele te dá opções como 2FA, 2SA, Bloqueio do app e SMS (em ultimo caso).
Ouça o PodappsEntre no Canal (Telegram)