Devido à criptografia, o Serviço Secreto (EUA) pode impedir o uso do iMessage entre funcionários


📅

Após os tumultos no Capitólio em 6 de janeiro de 2021, o Serviço Secreto norte-americano foi criticado por perder mensagens de texto enviadas, nessa época, sobre o ataque, provavelmente violando as leis federais de preservação de registros.

Via Politico, o Serviço Secreto diz que uma das razões pelas quais isso aconteceu foi o sistema de backup automático que o Serviço Secreto usou não pode acessar mensagens trocadas via iMessage, pois são armazenados criptografados no telefone.

Tudo indica que o Serviço Secreto estava em meio a uma transição para um novo sistema de gerenciamento e implantação de dispositivos móveis. Este sistema armazenaria e faria backup automático de dados em um local centralizado, como e-mails e fotos.

No entanto, o iMessage armazena no dispositivo de forma criptografada de uma maneira que o sistema centralizado não pode acessar.

Em vez disso, as pessoas teriam que se lembrar de fazer backup manual de seus dispositivos antes de seus telefones serem redefinidos, para que os iMessages fossem salvos. Evidentemente, muitos agentes não conseguiram fazer isso e, quando seus telefones foram apagados, todas as suas comunicações do iMessage foram excluídas. (A ironia política, é claro, é que a agência encarregada de executar investigações complexas de crimes cibernéticos forenses não pode ser confiável para manter seus próprios registros completos).

A agência agora está considerando desativar totalmente o iMessage nos dispositivos dos agentes para evitar que isso aconteça no futuro (para o contexto, o iMessage já está proibido na Casa Branca). A agência também está pensando em outras opções (Sugiro o WhatsApp que possui criptografia duvidosa, visto termos o aviso de conversa criptografada quando abrimos um novo chat e na própria politica de privacidade, dizem não ser criptografada)

Não ficou claro o quanto os agentes usaram o iMessage para comunicações de trabalho relevantes sobre os tumultos de 6 de janeiro. E, também, vale a pena notar que o iMessage não é o único fator em jogo. As mensagens via SMS padrão também podem ter sido perdidas, devido a falhas técnicas e organizacionais.


Fonte: 9to5mac